Ciclo de Ações “Gente desse Género” terminam em grande estilo

17 Jun

Este Ciclo de Ações, que agora chega ao fim, teve várias vertentes que se prendem com a população LGBT e questões inerentes ao seu quotidiano.

Assim, damos conta do que aconteceu neste dia 17, em termos das ações que nos propusemos levar a cabo:

  • Pelas 10h30, já estávamos nas instalações do Ginásio Pump Nações, no Parque das Nações, e que se encontra localizado entre o Centro Comercial Vasco da Gama e o Casino de Lisboa; espaço agradabilíssimo e com uma equipa super profissional, simpática e prestável.Foi neste ambiente que nos foi efetuada um visita guiada às instalações, pela diretora deste espaço, a Alice Canuto. Quem éramos nós? A equipa do nosso projeto e da própria Opus Gay foi composta pelas seguintes pessoas: Os embaixadores do projeto, Eládio Clímaco e Dra. Madalena Braz Teixeira; o presidente da Opus Gay, António Serzedelo, o vice-presidente da Opus Gay, Emídio Anastácio, o coordenador do Projeto, António Guarita e o nosso apoiante, sócio e amigo, o artista plástico, José Pinto Antunes. O objetivo desta ação, com o mote “Contra a Violência, Privilegiando o Exercício Físico”, foi exatamente o de alertar para a necessidade de praticar exercício físico, o que permite uma melhor saúde tanto ao nível do corpo, como em termos psicológicos e emocionais. Cada vez mais, nos tempos modernos, temos de ser imaginativos no sentido de prevenir as mais diversas situações, incluindo a violência doméstica, pelo que a prática regular de exercício, sem qualquer sombra de dúvida irá ajudar grandemente a ultrapassar certas dificuldades, já que o humor e a autoestima são convenientemente trabalhados. Aguardamos a aprovação do material gráfico por parte dos responsáveis da Marca Pump Spirit, pelo que, logo que tenhamos ‘luz verde’, publicaremos as mesmas.
  • Pelas 15h30, concentrámo-nos no Átrio dos Anjos, mesmo junto à Igreja de N. Senhora dos Anjos, desta feita com a ação subordinada ao lema “Contra a Violência e Prevenindo as IST”, no âmbito da nossa parceria histórica com a Liga Portuguesa Contra a Sida.
    “A Senhora Vereadora da CML,  Arquiteta Helena Roseta visitou ontem a Unidade Móvel de Rastreios “Saúde + Perto” da Liga Portuguesa Contra a Sida, estacionada no átrio da Igreja dos Anjos, por ocasião do trabalho em rede que a Opus Gay e a LPCS têm vindo a desenvolver no âmbito da Promoção e  Educação para a Saúde, sensibilizando a população em geral para a realização dos testes de rastreios não só ao VIH, mas também a todas a Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), contribuindo para a prevenção destas infeções. Esta iniciativa visa facilitar, junto do público-alvo, o acesso ao aconselhamento, diagnóstico e tratamento do VIH e outras infeções sexualmente transmissíveis, bem como hepatites víricas.Segundo a Presidente da Liga Portuguesa Contra a Sida, entidade responsável da UMR Saúde + Perto, Maria Eugénia Saraiva, “a concetualização de um projeto de intervenção numa Unidade Móvel de Rastreios relaciona-se com a acessibilidade dos cidadãos, com a possibilidade de proporcionar aconselhamento em novas oportunidades de contacto e de intervir em contextos sociais e culturais específicos, facilitando o acesso das populações mais vulneráveis e com um risco mais elevado de exposição a este tipo de infeções”.António Serzedelo, Presidente da Opus Gay Associação, lembra que “a realização do teste é muito importante e que, no âmbito do Ciclo de Ações “Gente desse Género” desenvolvidas pelos projeto “ Agressão, Não!”, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa e em que se abordam abordam as temáticas da não violência entre casais homossexuais e da promoção da saúde”.

    António Guarita, coordenador do projeto “Agressão, Não!” refere ainda que “É melhor saber, por isso os rastreios são primordiais para despiste de IST, que continuam a afetar e a infetar uma boa parte da nossa população. Temos de manter presente que estas ‘coisas’ não acontecem apenas aos outros.”

    Esta ação contou ainda com a presença do embaixador do projeto “Agressão, não!” da Opus Gay, Eládio Clímaco e com as equipas das Associações LPCS e Opus Gay.”

    Veja algumas fotos desta ação, aqui.

  • Temos mais fotos, mas por questões de confidencialidade em relação aos utentes, não nos será possível publicar as mesmas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: